quarta-feira, 18 de julho de 2012

Vende-se universidade

O meu caro amigo Jorge Araújo, ex-reitor da Universidade de Évora, escreveu esta pérola no seu blogue “la pensée ne doit”:
O governo prepara-se para vender uma universidade pública portuguesa aos chineses, com conúbio de angolanos? Isto foi tratado nas visitas recentes dos ministros Portas e Santos Pereira? Os chineses já terão indigitado para reitor o inefável António Borges? E para administrador, em boa saída do governo, Miguel Relvas?
Começo a pensar que uma certa diferença de gerações e de sentido de humor nos está a prejudicar, a ele, a mim e aos nossos companheiros de geração. É que isto, de excelente humor, foi levado a sério, no sítio de debate interno da Universidade de Évora e até deu lugar a resposta de pompa e circunstância do reitor atual. Mas não será que as tais reações têm a ver com alguma verosimilhança da piada do Jorge? É perigoso quanto a sátira fica próxima da realidade.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Obrigado pelo seu comentário. Os comentários de leitores não identificáveis não serão publicados.